Entrar no sistema

Treinamento Funcional serve para o TAF?

AprovaTAF - Testes Físicos para Concursos / Artigos  / Treinamento Funcional serve para o TAF?

Treinamento Funcional serve para o TAF?


A Equipe AprovaTAF se reuniu para escrever sobre se o treinamento funcional serve para preparar os alunos para os testes físicos de concursos, em virtude da grande quantidade de perguntas enviadas para nós.

Introdução

Vimos atualmente que o Treinamento Funcional está em moda no Brasil. E esse tipo de treinamento está ganhando cada vez mais espaço no meio do treinamento para os testes físicos de concursos.

No entanto, muita gente que está se preparando para os TAF de concursos ainda permanece com a dúvida se realmente esse o treinamento funcional vai preparar os candidatos para o TAF.

Nós da Equipe AprovaTAF temos algumas considerações importantes sobre essa relação treino funcional e Testes físicos (TAF).

Treinamento Funcional AprovaTAF 4

Treinamento Funcional serve?

Então nossa primeira consideração é: para o TAF, não. O treinamento funcional não serve para preparar o aluno para os testes físicos.

Mas por que?

Antes de mais nada, a linha de treinamento da Equipe AprovaTAF é voltada para a Especificidade. Ou seja, treinar o que vai ser cobrado! Parece lógico né? Mas não é o que estamos vendo nos circuitos funcionais.

Para você passar no TAF, você precisa ter as aptidões físicas exigidas nos testes previstos no edital do seu concurso. Para isso, é preciso focar nos princípios do treinamento físico.

Levando em consideração que cada edital prevê uma bateria de testes, e existe uma variabilidade de testes que difere entre cada concurso, o treino funcional não conseguirá treinar de forma específica para cada concurso.

Por exemplo, se o concurso “x” prevê a realização de Flexão na Barra, Abdominal remador, Salto em distância, corrida de 100 metros e corrida de 12 minutos.

Então, o treino funcional fará você passar nesse TAF? Não.

Treinamento Funcional AprovaTAF 1

Para se ganhar aptidão física para a flexão na barra, temos a certeza absoluta que somente a realização de exercícios específicos para a Barra, o candidato irá conseguir subir o corpo no teste de flexão na barra fixa. Balançar corda, ou ficar ficar pulando bambolês não fará você subir na corda.

Não existe plausibilidade fisiológica onde em um treinamento de circuito funcional com uma série de variabilidade de movimentos, sem nenhum exercício voltado para os músculos envolvidos para a flexão na barra. Não existe mecanismos biomecânicos ou fisiológicos que irá fazer com que o aluno vá fazer a barra em algum momento durante todo o treinamento funcional.

A não ser que esse circuito seja específico com exercícios para a barra. Mas não é o que vemos nas ruas e academias.

Então o Treinamento funcional não é bom?

O treino funcional é excelente!!! Mas não para o TAF.

Para quem deseja melhorar a saúde, qualidade de vida, emagrecer, o treino funcional assim como outros irá com certeza proporcionar esses benefícios ao longo prazo.

Mas para focar no TAF, ele não é o caminho mais indicado!

Muita gente adotou o treino funcional, pois é uma excelente alternativa para quem está cansado dos exercícios mais tradicionais na academia.

Outro fator que deve ser considerado é o motivacional, muita gente adotou o treino funcional, pois é uma excelente alternativa para quem está cansado dos exercícios mais tradicionais na academia.

Muitas pessoas encontraram nos exercícios funcionais, uma forma mais divertida e desafiadora de se exercitar quando comparado, sendo muito comum o uso destes exercícios como meio incentivador e uma forma de manter a regularidade do aluno a prática da atividade física.

O treinamento funcional é caracterizado por atividades que envolvem exercícios simples até os mais complexos, por meio do próprio peso corporal ou com o uso de implementos, e visa trabalhar diferentes capacidades físicas como a força, flexibilidade, equilíbrio, coordenação e resistência. Agilidade e melhora do condicionamento cardiorrespiratório.

Barra Dinâmica AprovaTAF

Para subir na barra, tem que se treinar os músculos envolvidos na flexão na barra

Conclusão

Portanto, o treino funcional é um EXCELENTE método para proporcionar os benefícios da atividade física para a SAÚDE, mas não para o TAF.

Mas como escrevemos lá em cima e reforçando aqui novamente: O treino funcional que estamos vendo ser aplicado de forma generalista, NÃO É O RECOMENDADO PARA A PREPARAÇÃO PARA O TAF.

ELE NÃO VAI FAZER VOCÊ SUBIR NA BARRA. A não ser que exista um treino de circuito específico para a musculatura envolvida na flexão da barra. Sinceramente, nunca vimos um circuito de treino funcional voltado para o TAF.

O melhor então é você treinar o que precisa ser treinado.

Deseja ter LIBERDADE para treinar quando e onde quiser?

Deseja ter QUALIDADE nos treinos feitos por uma equipe de Mestres e Doutores em Educação Física?

Deseja ter ECONOMIA de tempo e dinheiro?

Clique aqui e veja qual curso deseja fazer?

Venha ser aprovado com  a Equipe AprovaTAF. Líder em treinamento para testes físicos de concursos.

A sua aprovação é a nossa missão!!!